Higiene Oral


A higiene oral é a área da medicina dentária direcionada para a prevenção de doenças mais comuns da cavidade oral (cáries, gengivites, periodontites…) tendo como objectivo a manutenção de uma boa saúde oral.

A consulta de higiene oral deve ser das primeiras a ser realizada, uma vez que é nesta que é feito o diagnóstico e plano de tratamento a ser realizado pelo paciente.

Nestas consultas, são realizadas destartarizações (remoção do tártaro responsável por doenças como a gengivite e a periodontite), remoção de manchas extrínsecas dos dentes (provocadas por tabaco, café, etc.) e motivações e instruções para uma correcta e mais eficaz manutenção da saúde oral.

Quando estes tipos de tratamentos não são realizados, ou são realizados incorrectamente, levam a uma inflamação da gengiva (gengivite). Uma inflamação continuada, e não sendo tratada e vigiada, pode levar a uma degradação da gengiva e do osso que envolve o dente. Quando este processo começa a ocorrer, começa a denominar-se de periodontite, e pode acabar por levar à perda das peças dentárias expostas.

São consultas que devem ser realizadas 2 vezes por ano (de 6 em 6 meses) ou de 3 em 3 meses se houver alguma patologia em que seja necessário um controlo mais frequente por parte do médico dentista.

Para pessoas que estejam a realizar ou já tenham realizado outro tipo de tratamento mais invasivo (como ortodontia e implantes), é uma área fundamental. No caso da ortodontia, o aparecimento de cáries e gengivites (inflamação da gengiva) são mais comuns, pelo que deve ser feito um bom e mais rigoroso controlo periodontal. No caso de pacientes com implantes, a realização frequente destas consultas permite com que haja um maior controlo e uma limpeza mais eficaz destes materiais, prevenindo inflamações e infeções que podem levar à sua perda.

Para além deste tipo de tratamentos preventivos, nestas consultas também podem ser realizados tratamentos do fórum mais estético, como os branqueamentos.

O branqueamento consiste num tratamento não invasivo para os dentes, que permite torná-los mais brancos. É realizado através da colocação de um gel branqueador na superfície do dente que, ao penetrar neste, vai descolorá-lo. Não apresenta nenhum perigo para a saúde dentária, desde que seja realizado por um profissional.

Actualmente, existem 2 tipos de branqueamentos externos, um realizado em consultório e outro em casa.

Dependendo das necessidades do paciente, é realizado o branqueamento que melhor se adequa a cada caso. No entanto, a junção dos dois métodos permite uma maior eficácia e resultados mais duradouros.

Hoje em dia, temos cada vez mais, todas as técnicas e ferramentas ao nosso alcance para uma boca saudável e um sorriso bonito de forma rápida, acessível e segura!

E você, já marcou a sua consulta de higiene oral?

Marque a sua consulta

Para marcação da sua consulta e especialidade, preencha todos os campos do formulário. Em breve será contactado por uma das nossas assistentes.

Notícias

Semana da Criança

  Na Clipal pensamos no teu bem-estar sempre que nos visitas e para isso temos uma equipa preparada para que te sintas confortável e seguro nas nossas mãos. Mas esta semana vamos dar ainda mais atenção a todas as crianças que, como tu merecem o melhor do mundo!...

ler mais

A paciente do Batom

É com alguma frequência que testemunho o desalento de doentes quando se sentam na cadeira de dentista. O desalento, a falta de motivação, mas sobretudo a falta de alegria.

ler mais

Pin It on Pinterest

Espalhe o amor!

Partilhe com os seus amigos!